quinta-feira, 19 de maio de 2011

Dia Nacional de Luta Antimanicomial

Destaque:

Texto adaptado de matéria publicada no Portal da Prefeitura:

Nos últimos anos, o Rio de Janeiro obteve muito avanços na área de saúde mental e foi o pioneiro na instauração da bolsa de incentivo à desospitalização para que os pacientes retornem ao convívio familiar.

Com o implemento da atual política da SMSDC que investe na promoção e prevenção da Saúde, em 2010 foram inaugurados os dois primeiros CAPS III (Centro de Atenção Psicossocial) com funcionamento 24 horas. As novas unidades permitiram um decréscimo de até 50% das internações nas emergências dos hospitais psiquiátricos.

Outro grande avanço na luta antimanicomial foi a implantação das residências terapêuticas e moradias assistidas. Atualmente, a cidade conta com 32 residências e 4 moradias, onde são assistidos 184 pacientes, a maioria pessoas que passaram anos internadas.

O Dia Nacional de Luta Antimanicomial foi instaurado em 1987 em Bauru, em São Paulo, durante o Congresso de Trabalhadores de Serviços de Saúde Mental, adotando o lema "Por uma sociedade sem manicômios" e inaugurou uma nova trajetória da proposta de reforma psiquiátrica brasileira. Seus objetivos são questionar as relações de estigma e exclusão que social e culturalmente se estabeleceram para as pessoas que vivem e convivem com os transtornos mentais e propor mudanças no cenário da atenção à saúde mental.

Conheça o Blog SAÚDE MENTAL DO RIO DE JANEIROclique aqui

Conheça também os 03 CAPS da AP 3.1 e e toda a Rede de CAPS da Cidade do Rio: clique aqui

Alem de acompanhar suas publicações (minha lista de Blogs) , o Blog da CAP 3.1 tem um link permanente para acessar o Blog SAÚDE MENTAL DO RIO DE JANEIRO (vide coluna da esquerda).

Nenhum comentário:

Postar um comentário