sexta-feira, 1 de abril de 2011

Quem foi Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig

Quem foi Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig

O CMS Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig completará no dia 06/04/2011 um ano de existência. O Blog da CAP 3.1 presta homenagem ao menino que deu nome a unidade, vítima em 2008 de dengue. Na imprensa, a repercussão de sua morte causou comoção nacional gerando um movimento que motivou autoridades e sociedade a repensarem a forma de combate a dengue dentro e fora do município. Marcos Garcia Roig, pai de Rodrigo, hoje milita por uma causa, fundou a AVIDE - Associação de Vítimas da Dengue.  (http://www.avide.com.br/).
Nesta sexta, dia 01/04/2011, a CAP recebeu a visita de Marcos Garcia Roig para acertar detalhes da comemoração de aniversário da unidade.
Marcos Roig (de camisa preta) é recebido por Dr Hugo, Coordenador de Saúde da AP 3.1,
e Denise, Coordenadora Administrativa
........................................................

Conheçam a história de Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig contada por seus próprios pais:
"Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig, 06 anos de idade, talvez fosse o mais normal dos meninos: alegre, companheiro, filho amoroso, aluno interessado no bem estar de seus colegas e suas irmãs, empenhado em fazer novos amigos em sua escola, em seu grupo de judô e dentre todas as pessoas que o conheceram. A lembrança de suas brincadeiras, de seu bom humor e de sua preocupação natural com os que o cercavam, motivam a qualquer um que conheceu a empenhar-se a combater a doença que findou sua breve passagem pela vida em 22 de fevereiro de 2008, a dengue. É por suas atitudes em vida que concluímos que a melhor forma de cuidar de si mesmo é cuidando do próximo."
Marcos Garcia Roig e Glória Yamawaki Roig
Pais do menino Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig, vítima de dengue em 2008.
Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig

Atividade com crianças no CMS Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig,
muitas delas com a mesma idade do menino Rodrigo, quando ele nos deixou 

CMS Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig

CMS Rodrigo Yamawaki Aguilar Roig, unidade de Saúde da Família localizada na Estrada do Itararé, 650, no Complexo do Alemão.

Um comentário:

  1. Que nosso trabalho junto à população possa contribuir definitavamente para a mudança das atitudes, com o compromisso de evitar que outras familias, passem pelo sofrimento da perda do que lhes é mais caro!´
    Para a familia do Rodrigo, nossos sinceros agradecimentos por continuarem na luta pela vida do semelhante!
    Marcia Reis

    ResponderExcluir